ELA É DO CARIRÍ



Há uma dança na lua,
E suas transas se confundem com as minhas.
A esta hora a cidade não conta segredos,
Então, não me pergunte como vou.

Minha doce rubi árabe,
Quero fazer um cordão da tua essência.
Pendurar no meu pescoço feito Arlequim.
Vou te roubar embora, esconder na mala.


- Vou te levar pro Brasil!

Um comentário: